ESPORTE

Karatê. Atletas de Corrente garantem vaga no mundial do Chile

Votos de utilizador:  / 0
FracoBom 

A escola de karatê Shotokan do Gurguéia (EsKachogum liderada pelo sensei Charles Uells participou no último fim de semana do campeonato mundial realizado em Aracajú-SE.

O evento da  Global Confederacion of karatê garantiu vaga para a escola Correntina participar do Mundial no Chile em 2017.

Os preparativos para a viagem internacional já começaram. “Vamos ter que nos organizar desde já. Precisamos contar não só com o apoio do poder público ou privado, mas também de toda a sociedade”. Disse Charles.

A Escola Escachogum já havia conquista grandes resultados no mundial realizado em Teresina em 2016.

 

Pedro Leonardo campeão kumite

Davi Pires campeão katá e vice kumite

Caio Otávio vice kata e 3º kumite

Luiz Otávio campeão kata

Cecília Alves campeã kumite

Ícaro Alves vice kumite

Henrique Setragni campeão kata 3] kumite

Wallace Lemos campeão  katá e kumite

Bruno Vieira campeão kata e kumite

Thiago Cardoso vice kata e kumite

Profiro Nogueira vice kumite

Charles Uells vice kata e campeão kumite

Kata ( ou , forma?) é um conjunto de movimentos de ataque e defesa e está presente nas mais diversas artes marciais japonesas[1], realizados em conjunto ou individualmente. O significado mor é "forma", mas que adquire conotações diversas, dependendo da arte em questão.

No caratê, descreve uma simulação de combate detalhada de movimentos, que é praticada índividualmente ou em equipe. Antes de executá-lo, o praticante deve passar por uma prática de técnicas fundamentais, os kihons; ao que, antes da popularização, era referenciado como "balé da morte", termo que bem descreve sua natureza. A depender do estilo, há variações de um mesmo kata[2].

 Kumite (組手? encontro de mãos) é nas modalidades modernas das artes marciais japonesas um dos componentes de treinamento e de competição, é a luta, o combate. No Karaté conjuntamente com o kihon e o kata forma a tríade básica de sua didática. É classificado conforme a finalidade pedagógica. Nem sempre foi parte das aulas porque os mestres consideravam arriscado praticá-lo sem necessidade real de luta.[1]

Ordinariamente, existem três tipos de treino com luta: jyu kumite, ou combate livre com controle; shiai kumite, combate de competição, semi-livre, com controle extremo dos golpes; e yakusoku kumite, combate combinado.

Com informações Wikipédia

© Portal F10 todos os direitos reservados www.portalf10.com.br. Desenvolvido por: Uilhia net Web designer
Back to top