ESPORTE

Ex-jogador do Flamengo do Rio participará de amistoso em Corrente

Votos de utilizador:  / 0
FracoBom 

Confirmada  a presença de Valdson e Tenda na festa de oficialização da parceria Escolinha de Futebol   Brumarthi e CTA Túlio Guerreiro.

Será mais um dia histórico para o esporte de Corrente. Túlio Guerreiro jogou no Botafogo, Corinthians, Grêmio e Goiás entre outros, participará de uma avaliação pela manhã e a tarde entrará em campo para defender a seleção de Corrente  diante de Formosa do Rio Preto-Ba em amistoso envolvendo atletas quarentões.

O jogo contará com presença de mais estrela. A participação de Tenta ex-jogador e treinador em times profissionais, também tem presença confirmada. O entendimento foi foi entre os Superintendentes de Esportes Rômulo Zuriel de Formosa e Florisvaldo Vieira de Corrente.

Há ainda a possibilidade de vinda de mais estrelas para a grandiosa festa, que será realizada dia 29 de julho no Estádio Paraguassu.

 

Conheça mais sobre as estrelas da festa

 

Valdson Mendes Bezerra, ou simplesmente Valdson, nasceu no dia 14 de maio de 1975, em Aracaju, Sergipe. Atualmente, o zagueiro defende o Itabaiana de Sergipe.


Iniciou carreira no Confiança, time da sua terra natal.


Foi contratado pelo Rio Branco-SP em 1998. No ano seguinte, em 1999, defendeu o Ceará. Mas foi nas temporadas de 2000 e 2001 que Valdson ficou conhecido no futebol brasileiro, quando atuou pelo Botafogo.


A partir daí, foram várias passagens por diversas equipes. Vitória-BA em 2001, retornou para o Botafogo em 2002, Flamengo em 2002 e 2003, Querétaro-MEX em 2003 e 2004, Corinthians em 2004, Ceará e Paysandu em 2005, Fortaleza e Santa Cruz em 2006, Boavista e Gama em 2007, voltou ao Confiança (time que o revelou) onde permaneceu até em 2009, foi para o Sergipe e regressou ao Confiança em 2010 e no River Plate-BR em 2011.

 

 TENDA

 

Nadélio Rocha, o Tenda, ex-jogador profissional que já treinou o Bahia de Feira de Santana e várias equipes sergipanas como Confiança, River Plate e Itabaiana. Entre os títulos na sua carreira de treinador estão a Copa Governo do Estado de Sergipe de 2008 e de 2012; Campeonato Sergipano de 2009 e Sub 19 em 2015, pelo Confiança. Além das conquistas pelo River Plate do Campeonato Sergipano Série A2 de 2009 e do Campeonato Sergipano de 2010.

 

Começou sua carreira em 1995 no Goiás. Chegou a atuar por um curto período como lateral-direito, mas destacou-se mesmo na posição da cabeça-de-área. Teve uma rápida passagem pelo Al-Hilal, entre 2001 e 2002. Retornou para o Goiás e depois, em 2003, transferiu-se para o Botafogo.

Túlio Guerreiro foi vice-campeão da Série B com o clube carioca, ajudando o Glorioso a voltar à Primeira Divisão do Campeonato Brasileiro, e, logo, tornou-se símbolo e ídolo da torcida. Seu principal parceiro no meio-de-campo à época foi o cabeça-de-área Fernando. Transferiu-se, no meio de 2005, para o Oita Trinita do Japão, declarando amor ao clube da Estrela Solitária e uma curiosidade, pretende se formar como médico após encerrar a carreira de futebolista.

Pretendendo encerrar a carreira no Botafogo em 2010, Túlio retornou ao Gloriosoem 2007, quando foi campeão pela primeira vez pelo clube, da Taça Rio daquele ano. Formando a dupla de volantes titular ao lado de Leandro Guerreiro, Túlio ajudou o time, treinado por Cuca. a chegar a algumas decisões dos torneios que o Botafogo disputou. No entanto, ficou marcado por ter participado da fatídica derrota de virada para o River Plate, pela Copa Sul-americana. Sua temporada foi atrapalhada por uma suspensão, em âmbito nacional, após ter sido flagrado dando um ponta-pé no rosto de Leandro do São Paulo.

Túlio venceu com o Fogão a Copa Peregrino e, novamente, a Taça Rio em 2008. Jogou ao lado de Diguinho neste ano. Porém, repetindo a temporada anterior, fez parte do elenco que foi vice-campeão carioca, perdendo para o Flamengo. Atuou bem durante o campeonato estadual e foi escolhido para a seleção dos melhores do estudual. Túlio sempre foi homem forte do grupo de jogadores do clube, ídolo da torcida e torcedor assumido do clube, porém, ao final do ano, deixou o alvinegro, alegando desgaste psicológico [1] e assinou com o Corinthians até o final de 2010.[2]

Em 30 de abril de 2009, contudo, Túlio acabou deixando o Corinthians e assinou pelo Grêmio. Seu contrato com o time gaúcho vai até o final de 2010.[3]

No final de fevereiro de 2010, Túlio rescindiu seu contrato com o Grêmio assinou com o Goiás.[4]

Em dezembro de 2012, surpreendeu ao acertar com o Sobradinho, modesto clube do Distrito Federal, para a disputa do Campeonato Brasiliense e a Copa do Brasil do ano seguinte.[5]

 

Encerrou a carreira no fim de 2013, no próprio Sobradinho. Atualmente, exerce o cargo de diretor de futebol do clube, onde atualmente é presidente.

© Portal F10 todos os direitos reservados www.portalf10.com.br. Desenvolvido por: Uilhia net Web designer
Back to top