POLÍTICA

Justiça deixa ex-prefeita atualmente deputada inelegível

Votos de utilizador:  / 0
FracoBom 

Entre as irregularidades apontadas estão despesas sem licitação no valor de R$ 1.349.659,47. O relator foi o conselheiro substituto Jackson Nobre Veras.

As contas de governo da ex-prefeita de Luzilândia e atualmente deputada estadual Janaínna Marques (PTB), referentes ao exercício de 2010 foram reprovadas pelo Tribunal de Contas do Estado. As contas de gestão também foram julgadas e o Tribunal julgou irregulares, a saber:


Janainna Pinto Marques – Prefeitura

Alcionete Pereira da Silva – Fundeb

Alderico Gomes Tavares – FMS

Ema Flora Barbosa de Souza - FMAS

O TCE concluiu o julgamento em 06 de maio de 2015. O relator foi o conselheiro substituto Jackson Nobre Veras e com a decisão do TCE a deputada está inelegível até 2023.

Um rosário de irregularidades foi constatado pela Diretoria de Fiscalização da Administração Municipal – DFAM com parecer do Ministério Público de Contas pela reprovação das contas de governo e julgamento de irregularidades das contas de gestão.

 

Fonte - GP!

© Portal F10 todos os direitos reservados www.portalf10.com.br. Desenvolvido por: Uilhia net Web designer
Back to top