POLICIA

Negado pedido de adiamento do julgamento de Correia Lima

Votos de utilizador:  / 0
FracoBom 

A ministra Cármen Lúcia, do Supremo Tribunal Federal (STF), negou nesta quinta-feira (26) a liminar pedida pela defesa do ex-coronel José Viriato Correia Lima, que visava suspender o julgamento do Tribunal Popular do Júri marcado para o dia 30, em Parnaíba (PI).

Correia Lima será julgado pela morte do policial civil Leandro Safanelli, que seria namorado da filha do então capitão, supostamente contrário ao relacionamento. O crime aconteceu em 1987. 
 
O advogado Wendel Oliveira, em entrevista à TV Cidade Verde nesta quinta-feira, revelou que o pedido de liminar era uma estratégia para adiar o julgamento e aguardar uma posição do STF, com a perspectiva de que o crime possa prescrever. Se Correia Lima não for julgado a tempo, ele poderá se livrar da acusação. 
 
Wendel Oliveira ainda afirmou que aguarda a liberdade de Correia Lima, mesmo que ele seja condenado no Caso Safanelli. Ele tentará a progressão da pena em outubro, tendo em vista os 14 anos de prisão cumpridos, sete deles só de prisão preventiva. 
 
Fonte - Cidade Verde
© Portal F10 todos os direitos reservados www.portalf10.com.br. Desenvolvido por: Uilhia net Web designer
Back to top